Linguagem

Branding Ver mais

Gestão de marca e imagem

Qual o tom de voz da sua marca?

Foto: internet
As mídias sociais e novas ferramentas digitais mudaram a forma como comunicamos nossos produtos e a linguagem muda rapidamente. Além do espaço que você precisa preencher destinado a campanhas, redes sociais e embalagens, sua marca precisa estar presente no cotidiano do consumidor na mesma entonação. Uma grande marca de bebidas recentemente colocou emoticons em seu rótulo, aproximando-se de forma simples e direta da identidade destes consumidores.

Estas associações não são necessariamente gramaticais, portanto a tolerância e a adoção de linguagens aceitáveis precisam ser revisadas frequentemente. A questão não é o que, mas de que forma tem sido dito e em que tom chega até os ouvidos do seu consumidor: soa alegre? Transmite paixão? Desperta desejos? Seu consumidor ouve? Responde? Em que contexto ele responde?  Marcas antenadas atualizam periodicamente sua imagem tomando o cuidado de não perder sua identidade, mas a mudança de tom da sua voz, ou melhor, a que o consumidor está ouvindo, é um trabalho diário e constante. Temos ferramentas para medir comentários, identificar presença em sites de reclamação e todo tipo de filtro para manifestações escritas. 

Mas a comunicação por imagem ou fonemas enlouquece marcas e empresas numa corrida frenética por tendências: a toda hora surgem novas formas, emojis  e emoticons. E já que seu público-alvo já não é uma questão de idade mas sim de identidade, não é fascinante poder mudar o tom da sua voz conforme o ambiente pede?  

Tal qual a voz de uma pessoa traduz personalidade e estilo, a entonação da voz do seu produto não poderia ser diferente. Os cuidados no nascimento e crescimento desta marca precisam estar em coerência com seu DNA, traduzindo de forma transparente seus valores e crenças. Recentemente uma grife de roupa americana foi desmascarada em revistas de negócios no mundo todo: sua glamourosa origem que fazia uma conexão emocional sem igual com seu público-alvo fora inventada. Até mesmo o ano de sua criação era uma farsa, desmerecendo e colocando em xeque a técnica de storytelling tão apreciada por consumidores e utilizada por grandes marcas.

Junto à sólida imagem, o tom de voz da sua marca permite que você esteja presente com mais empatia no cotidiano do consumidor, abraçando causas, defendendo pontos sociais relevantes, flexibilizando sua comunicação e apoiando projetos. 

Cante e encante seu consumidor. Muito sucesso!


Autoria
  • Facebook
  • Linkedin
  • Email

Ana Adad

Ana Adad

Ana Adad é paranaense e conta com cerca de 15 anos de experiência em Trademarketing, Estratégia, Operação e desenvolvimento no mercado de marcas e produtos internacionais, com gestão de marca e branding. É especialista em Marketing, gestão de negócios e mercado de luxo.