Linguagem

Turismo Ver mais

Equipamentos, produtos e roteiros

Paixão de Cristo de Cuité: competência e criatividade para um espetáculo grandioso

Um espetáculo impressionante, onde os efeitos especiais dão ainda maior grandeza à história mais bonita do mundo: A Paixão de Cristo. Realizada desde 1992 em Cuité, há 235 quilômetros de João Pessoa, no curimataú, a encenação foi retomada depois de anos de interrupção, em grande estilo: responsabilidade da Companhia Cuiteense de Teatro, que faz o maior espetáculo ao ar livre da Paraíba, no maior teatro da Paraíba. 

Foto: rosa

Dirigido pelo premiado cineasta cuiteense Ismael Moura, o espetáculo está projetando a cidade, movimentando o turismo, a economia e a cultura. Muitas caravanas estão sendo esperadas para assistir ao espetáculo. São cerca de 300 atores em cena, entre adultos, crianças  e idosos, e a encenação acontece nos dias 29 a 31 de março, a partir das 20h, no Olho D’água da Bica, um local que pertence a Universidade Federal de Campina Grande, e que foi transformado num teatro a céu aberto.

Foto: rosa

No ano passado cerca de seis mil pessoas assistiram ao espetáculo. Este ano o público deverá ser bem maior. Por isso a produção está aumentando a arquibancada para 85 metros. Mas muita gente assiste de onde puder, para não perder nenhuma cena. Uma das características do espetáculo, ressalta o diretor Ismael Moura, são os efeitos especiais. “Apostamos na criatividade para dar ainda mais dimensão à história, que contamos com muitos recursos visuais, mas mantendo a tradição no conteúdo”. Cenas como Jesus caminhando pela água, e sofrendo pelas tentações da cobra e da aranha impressionam o público. A ressureição é outro momento de comoção com oito minutos de queima de fogos. O diretor afirma que este ano o espetáculo contará com muitas surpresas nos efeitos especiais. 

Foto: rosa

O espetáculo teve um custo este ano de R$130 mil, e contou com o apoio dos comerciantes locais e alguns patrocinadores. A Paixão de Cristo de Cuité começa às 20h e tem duas horas de duração. Os portões serão abertos às 18h. A cidade é pequena e nossa sugestão para quem pretende ir é reservar lugar nas pousadas locais, indicadas no site www.paixaodecristocuite.com.br, onde é possível comprar os ingressos e  assistir a algumas cenas do espetáculo. 


Autoria
  • Email

Rosa Aguiar

Rosa Aguiar

Rosa Aguiar é jornalista, especialista em Redação Jornalística, mestre em Jornalismo Profissional pela UFPB e ex-secretária da Associação dos Jornalistas de Turismo (Abrajet) . Não vive sem viajar e escreve sobre turismo há mais de dez anos, defendendo os valores paraibanos, nossas belezas e potencial