Linguagem

Wanderlust, aí vamos nós! Ver mais

Turismo, viagens e paisagens especiais

Seus amigos viajam e você não. O que falar para ele?

Foto: Foto: Viviane Briccia
Olá viajante!

A coluna Wanderlust Aí Vamos Nós desta quinta-feira será polêmica. O motivo: os comentários que recebemos após as viagens que fazemos dizem muito das pessoas que nos rodeiam, seja de forma física ou virtual.

Não vou falar de inveja porque é um sentimento muito negativo para se tratar nesta coluna que fala de coisas boas que é viajar e toda a alegria e conhecimento que pode nos trazer, inclusive sobre quem nós temos perto de nós.

No entanto, vou tratar do assunto comentários nada agregadores e muitas vezes debochados que lemos ou ouvimos. Vou falar como eu trato meus amigos que viajam muito ou pouco. 

"Nossa que viagem legal me conta os detalhes; Quero fazer uma entrevista contigo para minha coluna sobre sua viagem; Você me inspira muito a conhecer esse lugar, salvei várias dicas, amei; me leva na mala; Gostaria de viajar mais, mas ainda não tenho condições e acabo viajando com você nas fotos e no seu relato; Você deveria escrever sobre isso, você descreve tudo tão bem! Obrigada por compartilhar conosco essas experiências", entre outras frases que digo ou escrevo para amigos e também vários influencers que sigo nas redes sociais.

Não é bem isso que recebo de volta, infelizmente. Muita gente faz assim como eu, comentários legais, seja crítica, elogio ou sugestão, mas tem também: "Essa mulher só viaja; Deve estar ganhando muito dinheiro pra tá viajando tanto; ficou rica e só faz inveja; se mudou pro exterior para aparecer; fica postando foto de viagem e diz que está sem emprego, então como tá viajando? Daqui a pouco vai vender alguma coisa na internet em troca de dicas; que desagradável essa mulher só fala de viajar, entre outras "frases motivacionais".

Gente, quem me conhece sabe o quanto amo viajar e os sacrifícios que faço e passo para realizar esse sonho. E se compartilho é porque acredito que o conteúdo vai ser válido. Já sou referência de viagem dos amigos e expandir isso é muito valioso para um comunicador/ jornalista/ fotógrafa porque abre um leque de possibilidades. 

Ainda não ganho dinheiro para viajar, mas tenho fé que um dia esse trabalho vai chegar e pode acreditar que vai ser muito especial. Sim tem empresas que pagam ou trocam por trabalho de fotos e divulgação para você viajar, depois conto como funciona.

Não fiquei rica, mas pretendo, seja com loteria, trabalho ou alguém que queira financiar minha vida. Não estou empregada, no entanto, Deus vai abrir essa porta para eu entrar. Enquanto isso estou estudando, trabalhando em projetos de forma autônoma e seguindo a vida de imigrante que não é tão glamour como pintam. Depois conto mais sobre isso também.

Enfim, a coluna Wanderlust Aí Vamos Nós deixa um lema para você viajante e se despede, prometendo que semana que vem volta com mais conteúdo sobre viagens e experiências ligadas a essa área que tanto desperta desejo e objetivos com belas paisagens.

"Não guarde rancor, inveja, deboche e nem espalhe essa energia. Junte dinheiro, planeje, sonhe e realize. Leve consigo o que for bom e traga fotos e lembranças de lugares incríveis, mesmo que seja pertinho de casa. A vida é pra se viver e vale muitas viagens", escreve Vanessa de Melo Ferreira.

Deixe seu comentário, sugestão, crítica  e elogio aqui ou no nosso perfil do instagram @wanderlustaivamosnos


Autoria
  • Email

Vanessa de Melo

Vanessa de Melo

Vanessa de Melo é jornalista e relações públicas formada pela Universidade Federal da Paraíba. Está há 14 anos no mercado jornalístico, aprendendo sempre a se reinventar diante das novas demandas da comunicação. Fotógrafa e viajante, atualmente mora em Portugal e busca trazer informações sobre o turismo da Paraíba, Nordeste, Brasil e do mundo.