Linguagem
Marcelo Teixeira

"O BNB cresceu esse último ano na Paraíba 88%, comparado ao mesmo período de janeiro a maio do ano passado"

Marcelo Teixeira dá dicas ao empreendedor e destaca algumas novidades do Banco do Nordeste

Foto: internet
Marcelo Teixeira, atualmente é o gerente do Ambiente de Negócios com Micro e Pequena Empresa do Banco do Nordeste. Mestre em economia pela Universidade Federal do Ceará-UFC e graduado em Administração de Empresas pela Universidade Estadual do Ceará - UECE. Funcionário do Banco do Nordeste do Brasil S/A desde 1987, tendo atuado em diversas funções de gestão, foi selecionado para o Banco de Sucessão da função de Superintendente do Banco do Nordeste. 

Em entrevista, durante o Prêmio da Micro e Pequena Empresa (MPE), Marcelo Teixeira dá dicas ao empreendedor e destaca algumas novidades do Banco do Nordeste. A premiação é realizada anualmente para reconhecer empresas que atuam na Paraíba nas áreas de comércio, indústria e serviços. A solenidade destacou a trajetória de três empresários e seus desafios na gestão de empreendimentos na Paraíba. Confira a entrevista abaixo.

Quais os maiores desafios do Banco do Nordeste para o empreendedor e micro empreendedor no desenvolvimento  das empresas?

O Banco do Nordeste tem a preocupação não só com o financiamento, que é um dos entraves, o banco se preocupa também  com a visão de futuro, crescimento e desenvolvimento das pequenas empresas. Enaltecendo a  competitividade, inovação, inserção dessas empresas no mercado regional, nacional e internacional. Estas são saídas para a maior taxa de sobrevivência, crescimento e competitividade das empresas. As pesquisas mostram que caso essas empresas não inovem, terão dificuldades nos próximos anos em competir no mercado internacional. O Prêmio da Micro e Pequena Empresa (MPE), que o banco faz anualmente serve para simbolizar isso, colocando três ícones da paraíba que se destacaram nessa visão de inovação e competitividade, para que inspirem outras empresas a buscarem o mesmo caminho.

Quais são os critérios que BNB utiliza para escolher empresas em determinados setores? De que forma isso motiva, incentiva e inspira os empresários que queiram participar dessa visibilidade?

Nossos critérios estão relacionados com sustentabilidade, meio ambiente, tratamento dos funcionários, itens relacionados com inovação e competitividade,  taxa de crescimento dessa empresa no ano que ela foi premiada, dentre outros aspectos muito importantes. Escolhemos os três seguimentos que representam os setores da economia para mostrarmos à sociedade que o empreendedor com o apoio do Banco do Nordeste e os outros parceiros, podem ter sucesso. 

Acredita que a Paraíba está passando por um ambiente melhor em relação ao desenvolvimento de novos negócios?

Sim, novas medidas foram tomadas para simplificar todas as dificuldades que as empresas apresentam de se manter, o que puder ser feito nesse sentido ajuda muito o banco. O ambiente está mudando, com mais união e apoio do governo, nós teremos condições de superar esse ano a meta de financiamento. Os números já mostram isso, crescemos esse ano na Paraíba 88%, comparado ao mesmo período de janeiro a maio do ano passado. Já aplicamos em torno de 90 milhões, e a meta de 220 milhões aqui na paraíba será superada. No Brasil nós temos uma meta de 3,4 bilhões, sendo 3 bilhões só de FNE devemos também superar.

Quais são as novidades do Banco do Nordeste para o segundo semestre?

O banco está se tornando cada vez mais digital, tendo dois grandes produtos que estamos estimulado esse ano. Um deles é o FNE Sol, um financiamento de placas solares e sistemas de micro geração de energia que tem evolucionado a redução de custos das empresas de energia. Bem como o FNE Inovação, que tem prazos de até quinze anos para  pagamos, com carência de até cinco anos para empresas que querem adquirir softwares e fazer aquisição de programas inovadores. Este também é um programa que estamos investindo bastante esse ano e espero que a empresas nos procurem nesse sentido. 


Redação Paraíba Total



Outras Entrevistas