Linguagem
Allison Delmas Nunes

“A economia está voltando a girar. É um momento de retomada no mercado da construção civil onde os imóveis voltam a se valorizar de forma crescente”

Allison Delmas Nunes, sócio diretor da Construtora Massai, avalia o atual cenário da construção civil e revela expectativas para 2020

Com 23 anos de atuação no mercado da construção civil, transformando espaços urbanos por meio dos projetos de alto padrão no Nordeste, a Massai configura-se como uma das cem maiores construtoras do país. Reconhecida por inovar e oferecer empreendimentos únicos com elementos exclusivos, a Massai conta com mais de 328.946,85 m² de área construída e em construção, em empreendimentos localizados em bairros nobres de João Pessoa, Campina Grande e Mossoró.

Em entrevista ao Paraíba Total, Allison Delmas Nunes, sócio-diretor da construtora, analisa sobre cenário para 2020 na construção civil e reflete sobre os efeitos da estagnação econômica no segmento, abordando as perspectivas de crescimento e futuros investimentos da Massai. 

Confira trechos da entrevista:

A crise financeira que atingiu o Brasil afetou diversos mercados, entre eles, o da construção civil. Apesar do cenário, a Massai realizou investimentos em novas obras e entregas de empreendimentos. Na sua avaliação, como foi o ano de 2019 para a empresa?

Foi um ano de atualização e retomada nos negócios, novas obras e também de entregas, que foi o caso do Massai Home Service 31. Acredito que foi o momento da economia voltar a girar e incentivar as pessoas a  retomarem os investimentos em imóveis.

Como o senhor ver o mercado imobiliário em João Pessoa, com relação ao Brasil?

O que percebemos em João Pessoa é que o mercado imobiliário da cidade não deixa a desejar em relação a infraestrutura, materiais e projetos inovadores. Inclusive, o valor de aquisição de imóveis ainda é baixo por tudo que a cidade oferece à população quando comparamos com outras capitais. 

Neste cenário de retomada da economia no setor, quais são as perspectivas para este ano?

Acredito que o mercado terá uma crescente muito positiva por questões econômicas. A taxa de juros caiu, o crédito está voltando para o consumidor e a rentabilização do dinheiro parado no banco não está dando tanto retorno quanto dava, por isso, as pessoas estão buscando segurança no mercado imobiliário para realizar investimentos na área.

Qual está sendo o carro-chefe do mercado da construção civil neste ano?

A Massai tem investido em empreendimentos compactos e funcionais, que são carro-chefe hoje do mercado. É o caso do Massai Home Service 31, por exemplo, empreendimento muito bem localizado no Jardim Luna, em João pessoa, e que oferece serviços pay per user para os seus moradores, com apartamentos funcionais.

O que os clientes podem esperar nos próximos empreendimentos da construtora?

Nós sabemos que hoje a exigência do cliente é em relação a inovação e tecnologia para dentro da sua moradia, por isso, estamos investindo em automação nas áreas comuns dos empreendimentos, possibilitando uma melhor gestão do condomínio e um menor custo, além de novas tecnologias e investimentos em energia renovável.

Em 2020, teremos muitas novidades e lançamentos especiais - comerciais, empresariais e residenciais. Os bairros de Cabo Branco, em João Pessoa, e Camboinha, em Cabedelo, ganharão empreendimentos exclusivos à beira-mar. No Bessa, as obras do futuro edifício serão iniciadas em breve. Além disso, outras áreas já estão em negociação. Então, até o final do ano, a nossa expectativa é lançar cinco empreendimentos com localizações especiais na região.   


Redação Paraíba Total



Outras Entrevistas