Linguagem
Ofertas

Comércio inicia 2014 com saldão do estoque de fim de ano

Lojistas abrem temporada de descontos de até 50%

Foto: Internet
Roupas, calçados, eletrodomésticos e diversos outros produtos passarão a ser vendidos até pela metade do preço a partir desta quinta-feira (02). O estoque de fim de ano que ficou nas lojas será o alvo, principalmente, dos consumidores que seguraram os gastos no mês passado para comprar nos tradicionais saldões. Mesmo com ofertas tentadoras, o consumidor precisa ter cautela na hora das compras para não levar produtos com defeito e que não podem ser trocados depois.  

Para o presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas da Paraíba (FCDL), José Arthur Almeida, o saldão também é uma estratégia para manter um bom nível de vendas nos estabelecimentos. Segundo ele, as promoções no comércio de rua e nos shoppings devem começar ainda esta semana e se intensificarem até meados do mês. 

“Já é tradição das empresas fazerem avaliação de tudo que vendeu e do que sobrou, e criar um atrativo para chamar o consumidor. Os produtos são justamente os mais vendidos no fim de ano, como eletros e vestuário. Há muita ponta de estoque, calçados só com um número disponível, roupas com uma só cor”, contou.

Há, ainda, bebidas e alimentos típicos das festas de fim de ano que também devem entrar no saldão, como espumantes e panetones. No geral, os descontos são na faixa de 10% a 40%. Segundo o presidente da FCDL, as promoções variam de acordo com a atividade e margem de lucro. 

Varejo tem crescimento de 4% 

As vendas no comércio varejista tiveram um crescimento de 4% na Paraíba no ano passado, se comparado ao ano anterior. Apesar da alta, não era o que o setor esperava no início de 2013, quando a previsão era de crescimento de 7%. Para a Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas da Paraíba (FCDL), o estado teve um bom desempenho se comparado aos demais. 

Procon: consumidor deve pesquisar

Para aproveitar melhor as promoções, o Procon orienta que o consumidor pesquise bem antes de efetuar a compra. Outra dica é guardar a nota fiscal para eventual pedido de troca do produto. Se o produto apresentar defeito, o prazo de troca é de até 30 dias para bens não duráveis, como alimentos, e de 90 dias no caso dos duráveis, como eletrônicos e eletrodomésticos. 

Nesses casos, a empresa tem até 30 dias para resolver o defeito do produto e o consumidor deve guardar um registro do dia em que a reclamação foi feita. Já para as compras feitas pela internet, o consumidor tem até sete dias para desistir da compra, por escrito, com a devolução do produto caso este já tenha sido entregue. 

Celular e TV

Até domingo, todas as seções das lojas do Bompreço e Hiper estarão com produtos com descontos de até 50%. O evento é responsável por registrar as maiores vendas de celulares, televisores e bazar do ano. São centenas de produtos, de várias marcas, nas áreas de eletroeletrônicos, eletrodomésticos, informática, moda, alimentos e itens para casa.

O saldão acontece em todos os hipermercados e supermercados da empresa no Nordeste e a expectativa é aumentar em 15% as vendas em relação ao ano passado. Com o saldão, o consumidor que esperou para realizar suas compras fará bons negócios. Na seção de alimentos, toda a linha sazonal  de natal, como aves, carnes, panetones e frutas secas, estará com desconto de até 50%.




Jornal Correio da PB com Redação do Paraíba Total