Linguagem
Dietas

Paraibanos optam por hábitos alimentares saudáveis e fomentam o mercado de comidas fitness na Capital

Segmento no Brasil tem crescido nos últimos 10 anos e movimentando 35 bilhões de dólares

Foto: Divulgação
Ocupando o quarto maior mercado no mundo e movimentando 35 bilhões de dólares, o segmento de comidas fitness no Brasil tem crescido satisfatoriamente nos últimos 10 anos. E isso tem sido abrangente nas mais variadas regiões e estados do País, inclusive na Paraíba.

Na capital do Estado, o consumo de alimentos ligados diretamente à saúde e ao bem-estar vem aumentando, na última década, cerca de três vezes mais do que o dos alimentos convencionais. Isso porque, de acordo com estudo internacional, hoje, fomentam esse mercado não apenas as pessoas de hábitos saudáveis, mas inclusive as que buscam ter esses hábitos ou se curar de certas doenças causadas pela ingestão inadequada de certos alimentos.

Foto: Divulgação
De acordo com a nutricionista, Éríka Nóbrega, tem sido comum e natural esse movimento comportamental da sociedade paraibana, já que é essencial que as pessoas procurem se alimentar melhor, inclusive com um suporte orientacional de um profissional. Visto que, a má alimentação já tem trazido maus reflexos à saúde dos brasileiros, portanto, muitas delas já cobram a qualidade dos produtos que vão consumir.

“Muitas pessoas tem buscado em várias linhas aquilo que realmente leva à saúde. Pois hoje não se precisa mais adoecer para então buscar a saúde. E que cuidar da saúde não é mais usar um remédio”, disse a nutricionista.  

Empreendimentos 

Foi pensando nesse cenário crescente da gastronomia que a empresária Natália Taveira,  se inspirou para abrir seu empreendimento no bairro do Bessa, o restaurante Kannoa. “O fato de eu ter morado fora, ter sido modelo e principalmente de ver que as pessoas buscam mais por saúde e a lazer, unido a minha vontade de ter meu próprio negocio, foi o que tanto me motivou abri esse espaço”, disse ela. 

Para tanto, Natália investiu algo em torno de R$ 100 mil, além de ter capital de giro e aplicar bem em pessoal para garantir a qualidade no atendimento, ou seja, contratou quatro funcionários, além dela e da Irma- sócia.

No local, além de ter se utilizar produtos regionais, possui um toque gourmet. “O nosso intuito e desmitificar que comida saudável não é gostosa e é cara”, disse a empresária. 

Foto: Divulgação
Outro exemplo do segmento que dobrou em vendas nos últimos anos é a sorveteria G. Victor’s , localizada no Bairro de Manaíra. A mesma marca, que já existia há 24 anos em Mangabeira, foi inovada para o público fitness e ganhou uma grande variedade de sorvetes criada pela própria família dona do negócio. O diferencial da sorveteria são os produtos utilizados na produção.

Segundo Vitor Carneiro, empresário e nutricionista, ele buscou um responsável técnico para pensar esse mercado, como montar a tabela nutricional dos produtos comercializados. Para ampliar o negócio Vitor investiu cerca de R$ 30 mil, além do aluguel do espaço e funcionários. “O formato e o sabor dos produtos mudam bastante conforme o tempo e o acondicionamento, portanto, tivemos que investir para bem atender esse público exigente e que busca o que é bom e saudável para se alimentar”, destacou ele. 

Mercado promissor

A expectativa é de que esse mercado tenda a crescer cada vez mais. E isso é resultado de um público que se preocupa com o que consome e que sabe ponderar na hora de se levantar. “Esse realmente é um mercado promissor pois buscam não só as pessoas já saudáveis, mas principalmente as com alguma problema de saúde, como forma de controlar o problema de saúde e garantindo uma alimentação de grande qualidade”, reforçou a nutricionista, Éríka Nóbrega.




Redação Paraíba Total 
Adaucélia Palitot