Linguagem
Oito encontros

Sebrae lança Programa de desenvolvimento sustentável do Vale do Mamanguape

Programa será implantado em Guarabira, Pombal e Cajazeiras

Promover o diálogo com o poder público e a comunidade local para que juntos possam garantir o desenvolvimento sustentável da região e, assim, os pequenos e micro negócios encontrem um ambiente favorável ao seu crescimento. Esse foi o principal objetivo do programa Território Empreendedor Sustentável, cujo piloto foi lançado no Vale do Mamanguape, Litoral Norte da Paraíba. Ainda este ano, o programa será implantado pelo Sebrae em outros municípios do estado, como Guarabira, Pombal e Cajazeiras. 

"A vocação do Sebrae é trabalhar o planejamento da gestão das pequenas empresas e dos pequenos negócios. Mas esses pequenos negócios não andam se não houver um ambiente favorável ao desenvolvimento econômico. E, para isso, é importante que o poder público entre nesse processo, principalmente as prefeituras, que são os entes mais próximos dos cidadãos e das empresas", afirmou o superintendente do Sebrae, Walter Aguiar. 

Segundo ele, o programa visa dar suporte às prefeituras municipais para que, junto ao Sebrae, possam fazer um planejamento estratégico e vejam a real vocação dos municípios. "Se o poder público tem isso muito claro, isso vai ajudar a criar estratégias que possam favorecer o microempreendedor a conseguir lançar seu negócio e até mesmo a mantê-lo de forma sustentável", explicou Aguiar.

O Vale do Mamanguape, região composta por 12 municípios, tem como grandes propulsores da economia local o agronegócio e o setor turístico, devido às praias que possui - o Litoral Norte da Paraíba. Para a prefeita de Mamanguape, Maria Eunice, município onde foi sediado o lançamento do programa, a iniciativa é de grande importância para a região. "Nós, enquanto gestores, precisamos buscar parcerias, tanto como com órgãos como o Sebrae, como também com os outros municípios, para que possamos nos fortalecer. No caso de Mamanguape, por exemplo, sabemos que temos uma grande produção rural e um comércio bastante fortalecido. Isso, em união com os outros municípios, de maneira planejada, pode nos dar grandes resultados", disse.

Empresários presentes no evento também relataram a necessidade de iniciativas como essa. É o caso do proprietário do Hostel KPC, em Barra de Camaratuba, Bruno Azevedo. "É uma iniciativa fundamental, até porque o litoral norte da Paraíba é carente tanto de divulgação como também de um trabalho mais forte de desenvolvimento turístico e sustentável", opinou.

O programa contará, ao todo, com oito encontros, durante os quais as principais lideranças dos 12 municípios poderão se reunir e, junto aos consultores do Sebrae, traçar um plano de desenvolvimento estratégico para a região. 




Assessoria