Linguagem
Capacitação

Crescimento do mercado de TI demanda profissionais atualizados

Senac EAD oferece cursos de pós-graduação para ampliar oportunidades na carreira

Foto: divulgação
Com tendência de crescimento e perspectiva de ascensão até 2021, o mercado de tecnologia da informação demanda profissionais atualizados. O estudo anual da Associação Brasileira de Empresas de Software (Abes) registrou avanço no setor de 4,5% em 2017 e a expectativa é que haja expansão de 4,1% nesse mercado até o fim deste ano. Os números sinalizam a importância da atualização profissional que pode abrir caminho para novas oportunidades na carreira.

O Senac EAD está atento às exigências do mundo do trabalho e oferece uma série de cursos de pós-graduação na área, com inscrições abertas até 31 de julho. Entre as opções disponíveis, destacam-se Cloud Computing e Segurança da Informação. Ambos registraram crescimento de 18% e 27%, respectivamente, no número de matriculados no primeiro semestre deste ano, em relação ao mesmo período de 2017.

“Esses cursos formam especialistas valiosos nas empresas por criarem soluções que protegem organizações de crescentes riscos. Além disso, são profissionais que possuem domínio técnico para otimizar processos e contribuir com melhores resultados globais”, ressalta Vladimir Esteves, coordenador acadêmico dos cursos Cloud Computing e Segurança da Informação do Senac EAD.

Além do conhecimento técnico, outras habilidades já valorizadas no mundo do trabalho, como comunicação eficaz e bom relacionamento interpessoal, tornaram-se um importante diferencial para profissionais de TI. “Especialistas desse setor estão ocupando posições cada vez mais ligadas à direção das empresas, tendo em vista o alinhamento da TI aos negócios das organizações. Portanto, é fundamental que tenham cada vez mais uma visão holística, com foco em resultados”, observa Vladimir.

Tecnologia e flexibilidade – As aulas do Senac EAD oferecem flexibilidade para organização dos horários de estudo, acesso a todos os recursos do curso de qualquer computador ligado à internet, uso de tecnologia mobile para receber informações e comunicados das coordenações e professores, uso de tecnologias de ponta para o processo de ensino e aprendizagem, menor investimento e a mesma qualidade do presencial. Além das atividades on-line, é preciso se programar para ir ao polo uma vez ao fim de cada semestre para fazer a avaliação presencial obrigatória exigida pelo MEC e, também, para a defesa do TCC ao término do curso.




Assessoria