Linguagem
Evento

Compliance e governança corporativa são temas de debate em evento no Sebrae

II Encontro de Compliance & Governança da Paraíba acontece em João Pessoa e discute as boas práticas corporativas

Estar em conformidade com normas, regras e políticas empresariais. Esta é uma das definições de compliance. Muito falado no meio corporativo, esse conjunto de ferramentas para fazer cumprir as diretrizes de uma empresa tem origem no termo em inglês “to comply” - que quer dizer “cumprir”,  "agir de acordo com uma regra" e, no caso, uma ordem, regra ou instrução. O termo, inclusive,  não se restringe ao mundo jurídico. Para orientar empresários sobre o assunto, João Pessoa sedia o II Encontro de Compliance & Governança da Paraíba, evento que acontece no dia 19 de setembro, no auditório do Sebrae João Pessoa, a partir das 18h.

De acordo com Josiclei Cruz, especialista no assunto e um dos organizadores do Encontro, este é um tema fundamental para o dia a dia de toda corporação. “Toda empresa precisa se profissionalizar nos aspectos internos de prevenção e na oportunidade de uma melhor gestão. Então, o compliance é sobre a questão de regras, normas, e a melhor forma de agir, de proceder quanto a isso”, explica.

Na Paraíba, o assunto está ganhando abertura e é ponto chave quando o objetivo é evitar problemas futuros da empresa, estar atento às normas internas e externas e influenciar no progresso de uma instituição. Para os empresários, a prática só traz benefícios e auxilia nos processos empresariais, entre eles a gestão de contratos e normas trabalhistas. “Muitas vezes, o empresário não se profissionaliza em conhecer de fato o dia a dia da sua própria empresa e fica no processo automático e imediatista na sua tomada de decisão. Pensa em vendas a curto prazo, e não se preocupa com a questão dos contratos e das normas”, comenta.

Para esse processo, um fator impactante é a liderança e a gestão da empresa - a governança corporativa. Em resumo, uma boa administração, organização de diretorias e conselhos, decisões estratégicas e delegação de tarefas para as pessoas adequadas às funções. “A governança é saber para lidar com todo o processo. Então, é o planejamento que se orquestra toda essa situação de forma coordenada, de forma concatenada”, ressalta Josiclei.

Entre os princípios da governança estão a transparência, a responsabilidade corporativa, equidade e prestação de contas. Por meio da governança corporativa pode-se melhorar o relacionamento com os colaboradores, valorizar a marca e melhorar a imagem da empresa, além de alinhar interesses de clientes, executivos e acionistas e facilitar o acesso às fontes de financiamento. Esses temas também estarão em pauta no II Encontro de Compliance & Governança Corporativa da Paraíba.

O evento- Com o objetivo de orientar de forma clara e apresentar a importância da aplicação da Governança Corporativa e do Compliance, o evento tem como público-alvo empreendedores, empresários, CEO, CFO, diretores, gestores, controller, contadores, administradores, conselhos administrativos, advogados e universitários.

O evento contará com cases, palestras e modelos de compliance. Entre os palestrantes estão Lindevany Hoffimann, Sócia-Diretora da LHM Consultoria e Desenvolvimento Humano e Mestre em Gestão Empresarial, e Bruno Suassuna, Consultor em Governança, advogado formado pela Faculdade de Direito do Recife – UFPE, com especialização em Direito Empresarial pela UFPE.

O II Encontro de Compliance & Governança da Paraíba é realizado pela Contal Assessoria Contábil, Cruz Assessoria em Negócios e Gestão Empresarial, Fernanda Brambilia Advocacia & Consultoria e Roselli Florêncio Assessoria Jurídica. O evento será emitido certificado de participação. Outras informações podem ser obtidas pelo www.conferenciagovernanca.com.br.




Assessoria