Linguagem
Data comemorativa

30 de setembro: Dia do Churrasqueiro, conheça os segredos de como preparar um bom churrasco

Chef assador do Faaca Boteco & Parrilla, Hênio Luiz dá dicas sobre o preparo das carnes

O que para muitos é só um programa de domingo, para outros é profissão. Comemorado no dia 30 de setembro, o dia do churrasqueiro é especial para os profissionais que trabalham com um dos prato mais desejados da culinária brasileira. O renomado chef assador pernambucano Hênio Luiz é quem cuida das carnes no Faaca Boteco & Parrilla, local especializado em carnes nobres, dá algumas dicas de como acertar no preparo. Antes de tudo, segundo ele é preciso escolher bem a carne. “Primeiro é saber a origem da carne, quem é o produtor. Segundo é saber quem manipula, isso também é muito importante e, terceiro,  saber quem vende, se obedece às condições favoráveis de temperatura para que a carne não perca qualidade”, resume. Para quem quer tudo no capricho, a picanha ainda é a “queridinha”, mas muita gente procura o short Rib (acém com osso) e bife de Chorizo (Contra Filé) – segundo Hênio, ideais para um bom churrasco. 

Outra atenção é preparar o braseiro: a quantidade de carvão ou lenha, o ponto perfeito da brasa, a quantidade de calor. Segundo Hênio, o fogo deve ser iniciado cerca de 45 minutos antes de começar o churrasco. Esse é o tempo necessário para se obter o ponto perfeito de brasa e, portanto, de calor. A grelha deve estar a 15 a 40 cm de distância do leito de carvão. As carnes só devem ir para grelha quando as brasas estiver incandescente de foco de labareda.

No Faaca – Para os preparos do Faaca, Hênio conta que há alguns cuidados especiais, justamente por ter as melhores peças e os melhores cortes, preparados na parrilla. “Na parrilla aproveitamos 100% da brasa incandescente, desta forma não temos perca de temperatura o que permite um assado por igual e no ponto certo, sem falar que altura da grelha e disposição dos ferros facilitem um padrão uniforme na cor e agilidade na preparação”, explica Henio. Segundo ele, o Brasil é um dos maiores consumidores de carne do mundo, e o Nordeste segue em grande crescimento quando se fala em carne de qualidade. Nossa carne é servida “vermelha por dentro” (ponto da casa), e esse está sendo uma de nossas identidades”, ressalta.

Em João Pessoa, o Faaca fica na Avenida Bananeiras, 80 – Manaíra. O instagram é @botecofaaca

Confira algumas dicas de Hênio Luiz:

– A carne precisa ser de qualidade e ter um bom corte. Verifique a procedência. 

– Paciência é uma virtude do bom assador. Não deixe a carne assando o tempo inteiro na brasa alta. 

– Não jogue a carne sobre o fogo alto, apenas cuide a intensidade da brasa.

-Para um boa harmonização, o ideal é vinho tinto ou uma cerveja bem gelada. 




Assessoria