Linguagem
Novidade

Magazine Luiza cria tecnologia para que outras lojas vendam seus produtos

Para participar, o lojista só precisa ter um CNPJ, conta bancária e um smartphone para baixar o aplicativo

Foto: internet
O varejista Magazine Luiza anunciou  o lançamento de uma plataforma que permite a outros lojistas venderem produtos do portfólio do Magalu. A compra é feita na loja física do varejista, mas entregue na casa do cliente ou retirada em um dos pontos de venda do Magazine, em um formato omnichannel.

Dessa forma, o pequeno varejista infla seu portfólio enquanto o Magazine aumenta a capilaridade. Ao lado da novidade apresentada mais cedo nesta semana em parceria com o Carrefour, a plataforma aprofunda o conceito de “Magalu como serviço” criado pela empresa para continuar crescendo em ritmo chinês.

A ideia, de acordo com Eduardo Galanternick, diretor executivo de comércio eletrônico do Magalu, é ajudar a cumprir o objetivo de estar “presente na vida de cada vez mais brasileiros. É a evolução do Magazine Você, mas para pessoa jurídica.

Como funciona

Chamado “Parceiro Magalu”, o programa disponibiliza todos os 4 milhões do produto da gigante da família Trajano para os lojistas através de um aplicativo que utiliza tecnologia de pagamento desenvolvida em parceria com a Cielo.

Para participar, o lojista só precisa ter um CNPJ, conta bancária e um smartphone com acesso a internet para baixar o aplicativo. As vendas por meio do Parceiro Magalu podem render comissões de até 8%, de acordo com a empresa.

A rede de lojas de materiais de construção ABC da Construção, que tem lojas nos estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro, já começou a usar a plataforma, em sua fase piloto. O Magalu destaca que, além dos produtos de construção do lojista, o cliente pode comprar o televisor, a geladeira e outros móveis, por exemplo.




Assessoria