Linguagem
Roteiro

Clima esquenta no Sertão paraibano com aproximação da Rota do Sol

Rota do Sol desenvolve atividades culturais em seis cidades do Alto Sertão da Paraíba

Foto: divulgacao
No último dia (20) de setembro, no Sebrae Cajazeiras, a ONG Pisada do Sertão realizou o lançamento oficial da Rota do Sol, evento realizado há dois anos, que  tem como objetivo contribuir para o fortalecimento e a promoção das artes populares como mecanismo de desenvolvimento cultural e turístico dos municípios do alto sertão paraibano. O lançamento compôs a pauta do encontro do Fórum de Turismo do Vale dos Dinossauros e foi acompanhado por representantes de 13 municípios do Alto Sertão paraibano.  Na ocasião, foi divulgada a programação com destaque para artistas, grupos e atrações regionais, nacionais e também internacionais. A Rota do Sol acontece de (22) de novembro a 1º de dezembro deste ano

De acordo com a fundadora da ONG Pisada do Sertão e  a Presidente do Fórum de Turismo do Vale dos Dinossauros, Ana Neiry de Moura, este ano, a Rota do Sol promete movimentar o Sertão paraibano nos seus aspectos culturais, educativos, econômicos e sociais. “Esperamos um público de 20 mil pessoas participando ativamente da programação nas seis cidades que irão sediar o evento”, declarou.

Ana Neiry disse, ainda, que a Rota do Sol é muito importante para o território sertanejo, pois estabelece espaços para reconhecer, valorizar e promover os saberes e fazeres dos artistas locais, possibilitando trocas de experiências com grupos regionais, nacionais e internacionais. “A Rota fortalece a cultura da região sertaneja, estimulando sua disseminação; transforma a região em uma “rota de turismo cultural” e gera oportunidade de emprego e renda na microrregião do Alto Sertão paraibano”, concluiu.

Serão dez dias de uma programação intensa que envolve cultura, educação e turismo, quando 26 grupos de dança, oito bandas musicais oito poetas e repentistas e 12 atrações musicais se apresentarão nos palcos montados nas seis cidades participantes da Rota. Dentre elas, tem destaque a banda Noda de Caju, com apresentação marcada para o dia (23) de novembro, em Bernardino Batista (PB); destaque também para  o cantor Fabio Carneirinho, em Poço de José de Moura (PB), no dia (30) de novembro.

Para compor a programação do Festival Internacional das Culturas Populares, este ano a Rota do Sol conta com a participação de 26 grupos de danças, dentre eles participam grupos dos estados de Minas Gerais, Belém do Pará, Alagoas, Ceara, Rio Grande do Norte, Maranhão, Pernambuco, além destes o Festival recebe quatro grupos internacionais vindos do Chile, México, Itália e Colômbia. 

A Programação da Rota da Leitura que acontece de (25) a (29) de novembro simultaneamente nos seis municípios, promete uma imersão no mundo encantado da leitura, da “contação” de histórias e das oficinas. A programação também conta com palestras e apresentações, onde estudantes e participantes terão oportunidade de realizarem trocas de saberes. Este ano participam do evento 45 escolas.

Durante a programação da Rota do Sol acontece também o Seminário de Tradições Populares que este ano tem o tema, “Terra dos tropeiros: cantoria, cordel e repente na perspectiva da preservação e valorização das nossas identidades culturais”. O seminário será realizado no dia (26) de novembro em Joca Claudino (PB). 




Assessoria