Linguagem
Luto

Luiz Carlos Barreto e Lucy Barreto cancelam vinda ao Fest Aruanda

Casal não virá mais devido à morte do filho, Fábio Barreto

Foto: Renato Marques
O 14º Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro não contará mais com a presença do diretor de cinema Luiz Carlos Barreto e da produtora Lucy Barreto, pais do cineasta Fábio Barreto, falecido no último dia 20. Em luto pelo filho, o casal decidiu permanecer em família, neste momento, e cancelou compromissos agendados antes do ocorrido, como a viagem para João Pessoa.

Os dois acompanhariam a exibição do documentário “Barretão”, de Marcelo Santiago, que está na Mostra Competitiva Nacional de Longas-Metragens do Fest Aruanda. Luiz Carlos também participaria de um painel  com o tema “O cinema brasileiro, de ‘Vidas Secas’ e ‘Terra em Transe’ a ‘Bacurau’: entre a poesia, o mercado e a política”, na segunda-feira (2), às 11h. A organização do evento está programando outra atividade para esse horário.

Fábio Barreto morreu na quarta-feira passada, aos 62 anos, no Rio de Janeiro. Ele estava em coma desde 2009, quando sofreu um grave acidente de carro. Integrante da famosa família Barreto, que é dedicada ao cinema, Fábio dirigiu obras como “O Quatrilho” (1995), pelo qual foi indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro, e “Lula, o filho do Brasil” (2010), entre outros. 

O cineasta receberá uma homenagem póstuma durante o Fest Aruanda, pela contribuição ao cinema nacional. “Fábio Barreto, do clã dos Barretos, foi um cineasta atento às histórias das pessoas e do próprio país, alinhando memórias íntimas e contextos mais amplos”, ressaltou Amilton Pinheiro, curador do festival.




Assessoria