Linguagem
Setor rural

BNDES vai liberar R$ 1,5 bilhão para a compra de máquinas e equipamentos agrícolas

As máquinas e equipamentos passíveis de financiamento neste programa deverão ser novos

O Banco Nacional do Desenvolvimento (BNDES) vai liberar até o final deste ano R$ 1,5 bilhão pelo Finame Rural. Os recursos serão usados para apoiar as atividades agropecuárias e agroindustriais por meio de financiamentos para aquisição de máquinas e equipamentos.

As taxas de juros devem ser parecidas com as do Programa de Modernização da Frota de tratores Agrícolas e Implementos Associados e Colheitadeiras (Moderfrota). Esse programa permite recursos para compra de peças trator à venda e outras máquinas novas. 
Uma das regras estabelecidas pelo BNDES é que os que os beneficiários finais precisam ser produtores rurais pessoa física ou jurídica e cooperativas rurais, com sede e administração no Brasil. As máquinas e equipamentos passíveis de financiamento neste programa deverão ser novos, de fabricação nacional e constar do Credenciamento Finame.
Vendas pela internet
Em meados de janeiro, a Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) solicitou à ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e ao ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, um aporte de R$ 3 bilhões para o Moderfrota. 
A medida deve dar fôlego ao setor de máquinas e implementos agrícolas. Mesmo com a crise causada em alguns setores da economia brasileira, a venda de peças agrícolas pela internet aumentou nos últimos meses.


da Redação
Celso Martins