Linguagem
Vendas

Nova solução monitora fluxo de pessoas no varejo

O objetivo é adequar-se ao momento de reabertura do comércio e proteger a saúde dos clientes

Foto: Internet
A Linx acaba de lançar a solução Linx Gestão de Fluxo, desenvolvida para que os lojistas possam controlar o volume de entrada e saída de consumidores, assim como a temperatura corporal e o uso de máscaras. O objetivo é adequar o varejo ao momento de reabertura do comércio e proteger a saúde dos clientes, evitando aglomerações.

Neste sentido, a solução entregará a contagem de pessoas na entrada e saída do estabelecimento, leitura termográfica em todos os envolvidos nas operações comerciais, como colaboradores, fornecedores e clientes, além da checagem da conformidade com a exigência do uso obrigatório da máscara em espaços públicos. Em relação à temperatura, a tecnologia trabalha para evitar a exposição de um funcionário com o termômetro na mão, que além de gerar custo, corre risco de contaminação.

Para realizar a gestão, são instalados sensores nas portas de acesso às lojas que calculam automaticamente a ocupação do estabelecimento e enviam os dados para a nuvem, aplicando a contagem em demonstração por um monitor. Todos os parâmetros de alertas e quantidade máxima de clientes são administrados e inseridos pelo lojista, de acordo com seu planejamento de ocupação. A tecnologia monitora até 30 pessoas simultaneamente no uso de máscara e temperatura.

O Gestão de Fluxo está disponível em três pacotes diferentes: Básico, com apenas o controle de fluxo; Pro, com a adição da leitura térmica; e Avançado, que conta também com a detecção do uso de máscara. A solução está disponível para adesão de lojas e magazines, shopping e home centers e supermercados.

“Esta tecnologia funcionará para auxiliar nossos clientes na retomada do varejo. É necessário que os consumidores se sintam seguros para voltar a comprar presencialmente, e para isso a Linx buscou parcerias para oferecer uma ferramenta que, com esse monitoramento minucioso de temperatura, ocupação e máscaras, estimula a presença das pessoas de forma controlada”, explica Ricardo Pinho, diretor executivo da Linx Bridge.




Newtrade