Linguagem
Setembro dourado

Diagnóstico precoce faz a diferença no tratamento de câncer infanto-juvenil

Andrea Gadelha alerta para a importância de buscar um especialista ao perceber os primeiros sintomas

Foto: divulgação
O diagnóstico precoce é um fator importante para o sucesso do tratamento do câncer em crianças. Este ano, segundo estimativas do Instituto Nacional do Câncer (Inca), devem ser registrados 8,5 mil novos casos de câncer infanto-juvenil no Brasil. Para reforçar a importância de estar atento aos primeiros sinais da doença e buscar um especialista,  neste mês de setembro é realizada a campanha ‘Setembro Dourado’, movimento nacional que tem como objetivo conscientizar a população, principalmente pais e profissionais de saúde.

Para a oncopediatra Andrea Gadelha, coordenadora da Unidade de Oncologia e Medicamentos Especiais da Unimed João Pessoa, apesar de ser mais agressivo neste grupo do que em adultos, as chances de cura são maiores devido as características próprias da doença e desta fase da vida. “As células de um paciente jovem se multiplicam com mais facilidade, de forma mais rápida, inclusive as que têm a doença. Por isso, a agressividade. Por outro lado, essa mesma característica permite que a resposta ao tratamento seja melhor, com cura em 70% dos casos”, explicou.

Segundo a médica, as chances de cura aumentam ainda mais quando o diagnóstico vem cedo. Por isso, pais e mães devem ficar atentos a alguns sinais importantes, como mudanças repentinas ou dores persistentes. “Caso a criança, em poucos dias, apresente palidez, é sinal de alerta. Se depois de uma queda ou machucado, a dor persiste por mais de 15 dias também é preciso dar uma atenção especial. É importante que a criança seja acompanhada periodicamente pelo seu pediatra, pois ele saberá analisar essas mudanças, saberá quais exames pedir”, orientou Andréa Gadelha.

Confira alguns sinais de alerta:

  • •Perda de peso contínua e inexplicável
  • •Dores de cabeça com vômito pela manhã
  • •Aumento do inchaço ou dor persistente nos ossos ou articulações
  • •Protuberância ou massa no abdômen, pescoço ou qualquer outro local
  • •Desenvolvimento de uma aparência esbranquiçada na pupila do olho ou mudanças repentinas na visão
  • •Febres recorrentes não causadas por infecções
  • •Hematomas excessivos ou sangramento, geralmente repentinos
  • •Palidez perceptível ou cansaço prolongado

Unidade de Oncologia - Os clientes da Unimed João Pessoa contam com atendimento especializado adulto e pediátrico na Unidade de Oncologia e Medicamentos Especiais, que funciona no Hospital Alberto Urquiza Wanderley. 

A unidade oferece uma estrutura completa para que o paciente se sinta confortável, além de uma equipe multiprofissional experiente e especialista no tratamento oncológico. Na pediatria, os leitos têm decoração temática infantil e as crianças têm acesso a brinquedos para que a permanência seja mais lúdica e divertida. 




Assessoria