Linguagem
Boletos quitados

Especialista pontua hábitos que ajudam a cumprir metas e se livrar das dívidas

Dicas ajudam nas resoluções de ano novo e nos desejos programados para o próximo ano

Foto: assessoria
Controlar o orçamento, equalizar gastos, pagar dívidas e conseguir economizar para montar reservas financeiras e ter alguma tranquilidade no futuro são tarefas quase impossíveis para 67% da população que está endividada, para os mais de 80% não têm qualquer reserva e os 4,6 milhões que têm dívidas impagáveis.

Mais que controlar despesas com planilhas e planejar cortes, uma série de hábitos podem ajudar as pessoas a se manterem focadas e motivadas e mudarem suas vidas, cumprindo as resoluções de ano novo e as metas programadas para o próximo ano.

O especialista em planejamento financeiro e em neurociência e comportamento, Yuri Utida, explica que os hábitos que mantemos têm peso fundamental para mudar a forma como nos relacionamos com dinheiro e consumo. “Nada define melhor o que você é, o que você faz ou como você faz do que os hábitos que você tem em sua vida. Toda a sua rotina, intelecto, círculo social, saúde, espiritualidade, tudo, absolutamente tudo está conectado às práticas que você incorpora no seu dia a dia. Quer um exemplo de como ter hábitos saudáveis pode te ajudar a conquistar seus objetivos? Se você corre com regularidade, condiciona seu corpo e mente a se desafiar, a se aprimorar constantemente e de forma natural, tende a sempre superar seus limites. O hábito transforma”, explica.

Então, se o objetivo for alcançar segurança financeira, algumas práticas podem ser decisivas, como trocar horas de entretenimento vazio na TV por documentários, cursos e livros. “Como consultor financeiro, convivo com muitos investidores e notei que todos têm os mesmos costumes incorporados no seu cotidiano. Um deles é a leitura de livros e o consumo diário de informações. Um livro é uma grande fonte de informações. Quando você lê, imediatamente você aprende com os erros e acertos do autor, isso pode te preparar e nortear seus projetos e cada vez mais te faz relacionar assuntos aparentemente sem qualquer ligação”, conta Utida.

Cuidar da saúde, fazendo exercícios físicos regularmente, tendo uma alimentação saudável e sono adequado, ajuda a melhorar a sua performance. “Seu corpo, cérebro, mente e emoções são uma coisa só, estão intrinsecamente interligados. Foco, concentração, disposição física e mental surgem a partir do momento que você cuida desse conjunto. E isso é fundamental para que você consiga ter uma rotina de estudo e trabalho que te faça atingir seus objetivos”, completa.

Outra prática saudável é escolher com cuidado as pessoas com as quais você se relaciona. “Existem estudos que indicam que você é a média das cinco pessoas com as quais você mais convive e compartilha as ideias, logo, o comportamento das pessoas que convivem com você definem boa parte do seu próprio comportamento, por isso é preciso escolher bem”.

Mude sua relação com o consumo, tenha uma vida mais simples e não esbanje dinheiro. “Liste tudo aquilo que você costuma consumir e que considera essencial. Depois analise cada um deles e reflita se realmente são tão essenciais assim ou você está esbanjando ou alimentando seu ego com coisas desnecessárias”, acrescenta Utida.

Nove hábitos saudáveis para cultivar:
- Cuide da sua saúde
- Treine sua oratória
- Leia livros 
- Reflita sobre sua relação com o consumo e não esbanje dinheiro
- Treine sua habilidade em vendas
- Troque entretenimento vazio na TV por documentários, cursos
- Seja curioso, tenha apetite por conhecimento. Leia, se informe, isso pode te ajudar a ter ideias inovadoras
- Aprofunde seus conhecimentos
- Se cerque das pessoas corretas





assessoria