Linguagem
Turismo colaborativo

Sebrae Paraíba cria açoes para fortalecimento do turismo no Brejo do estado

Reunião discutiu maneiras para incrementar a Rota Caminhos do Frio

Foto: divulgação
Como a música clássica e um marketplace ligado ao turismo podem, de maneira criativa e colaborativa, contribuir para modernizar a Rota Cultural Caminhos do Frio, tradicional circuito turístico do Brejo paraibano? Este foi o mote de uma reunião promovida na manhã desta terça-feira (23), na agência do Sebrae Paraíba em João Pessoa, que contou com a participação de representantes da instituição, do Fórum Regional de Turismo do Brejo, do grupo Sons da Igreja e do marketplace Reserve Fácil. 

Conforme explicou a gestora de turismo e economia criativa do Sebrae Paraíba, Regina Amorim, a instituição foi articuladora e consultora para novas parcerias estratégicas do Caminhos do Frio, unindo turismo e economia criativa para possibilitar a inovação do produto turístico. “A reunião contou, também, com uma apresentação do Grupo Sons da Igreja, que atua na Igreja São Francisco. Esperamos uma excelente parceria para incluir o projeto no circuito cultural”, afirmou a gestora. 

Para o maestro e idealizador do Sons da Igreja, Geraldo Dias, foi uma boa oportunidade para mostrar o potencial musical do estado, principalmente no tocante à música clássica. “A música possui potencial em toda a Paraíba e, neste primeiro contato, saímos com a esperança de fazer algo diferente neste circuito. Também temos a missão de fazer um levantamento das necessidades de cada cidade que integra o Caminhos do Frio para projetos específicos ligados à música clássica, a exemplo de apresentações e oficinas”, explicou. 

O empresário Otávio Meira Lins, representante do marketplace Reserve Fácil, apresentou o produto, que já tem parceiros em municípios das regiões do Brejo, Litoral Norte e Litoral Sul paraibanos. “Na reunião, expliquei como se cadastrar e participar da ferramenta, na qual temos uma parte de classificados onde ajudamos a divulgar passeios que aumentam a visibilidade e a venda nos destinos turísticos. Demonstramos que a ferramenta é uma forma de apoiar os donos de micro e pequenas empresas, especialmente neste momento em que as vendas online estão em alta. Fizemos, ainda, a proposta para integrar os municípios do Brejo através da plataforma”, explicou. 

Para o presidente do Fórum Regional de Turismo do Brejo, Sergerson Silvestre, a reunião foi essencial para iniciar a elaboração de estratégias e planejamento da edição deste ano do Caminhos do Frio com toda a segurança possível, já que em 2020 o evento não pôde ser realizado em virtude da pandemia do coronavírus. “O Sebrae é um grande parceiro desde o começo da rota e, com o apoio da instituição, vamos buscar uma adequação da rota por meio da economia criativa para a retomada do turismo na região. Acreditamos em um cenário melhor após o decreto e vamos planejar o evento para ser realizado de forma segura, com adaptação do roteiro”, frisou. 




Assessoria de Imprensa Sebrae PB