Please assign a menu to the primary menu location under menu

Confira 5 dicas para desenvolver uma apresentação de alta performance em um contexto de ‘novo normal’

É fato que os impactos da pandemia ocasionada pela Covid-19 vão além da saúde. Segundo informações divulgadas pela Comissão Econômica para a América Latina e Caribe (Cepal), a economia brasileira será uma das mais atingidas, com uma previsão de retração de 5,2% – o que afeta diretamente na performance das empresas que, em prol da sobrevivência dos negócios, estão em processos de reposicionamento. Neste contexto, soluções ágeis e de alta tecnologia capazes de aprimorar as apresentações corporativas ganham força no mercado. 

De acordo com Rodolfo Gomes, co-fundador da PPT GO, uma scale up de tecnologia com foco em apresentações de alto impacto e vídeos interativos,  a busca por essas soluções teve um crescimento de 30% nesses últimos meses. Pensando em auxiliar as empresas a elevarem o valor da marca durante o reposicionamento do negócio nessa realidade de ‘novo normal’, o executivo lista as cinco dicas de como desenvolver uma apresentação corporativa de alto impacto. Confira:

Aprofunde-se nos objetivos 

Qual é o propósito da apresentação que está sendo elaborada? Antes de colocar as mãos na massa, é necessário entender os objetivos da ação, a fim de criar a melhor estratégia para atendê-la. Neste caso, uma aprovação, fechamento de projeto, reportes parciais ou mesmo a justificativa de um investimento estão entre os objetivos mais comuns das apresentações feitas em um ambiente corporativo.

Reflita!

Para iniciar uma apresentação de alta performance com o pé direito, é preciso coletar o máximo de informações relacionadas ao propósito da ação. Aqui, os seguintes questionamentos tendem a ser pertinentes: O que de fato foi entregue? Quais foram os principais desafios durante o processo de entrega? Quais são as principais expectativas do meu público-alvo? Quais foram os objetivos desenhados quando se propôs a fazer a entrega? Quais são os benefícios que a entrega trouxe ao público-alvo? E quais as conquistas e esforços necessários para alcançá-los?

Coloque-se no lugar do público-alvo 

Será que aquele diretor com a agenda apertada está realmente disponível para introduções complexas ou pra ser contextualizado de situações que fazem parte do seu cotidiano? Além de compreender a relevância dos conteúdos,  é necessário levar em conta a quantidade de tempo disponível do seu público alvo. 

Qual é a sua história? 

O segredo do engajamento do público-alvo em uma apresentação está em contar uma boa história. Ou seja, é fundamental se preocupar com um roteiro bem estruturado. Afinal, essa iniciativa garante que todo o conteúdo esteja conectado, claro e intuitivo, sem deixar brechas para mal-entendidos. Para que isso aconteça, atente-se aos seguintes fatores: introdução, problema a ser solucionado, tentativas realizadas no momento de solucionar o desafio, o início da solução e as etapas percorridas. 

Conclua o raciocínio 

Por último, uma apresentação de alta performance exige uma conclusão, que nada mais é do que os highlights da solução final. Aqui, deve-se ressaltar os ganhos obtidos com a solução sem esquecer de quantificá-los. Os números são aqueles que realmente comprovam a eficácia da solução encontrada. Então, quanto mais indicadores, maior credibilidade o conteúdo terá.