Sebrae e Governo da Paraíba realizam edição virtual do Salão do Artesanato

Buscando promover e valorizar o artesanato do estado, o Governo da Paraíba e o Sebrae vão promover, a partir de janeiro, a 32ª edição do Salão do Artesanato da Paraíba, que é considerado o principal evento voltado ao setor realizado no estado. Por conta da pandemia do coronavírus, o Salão será realizado de forma virtual, reunindo empreendedores do segmento de todas as regiões do estado. Os artesãos interessados em participar do evento precisam efetuar sua inscrição até o próximo domingo (13).

Conforme os organizadores do evento, as inscrições devem ser efetuadas no site do Programa do Artesanato da Paraíba (PAP), no endereço www.pap.pb.gov.br. Podem participar artesãos de qualquer região do estado, desde que sejam maiores de 18 anos e possuam a Carteira Nacional de Artesão válida ou o registro de trabalhador manual no Microempreendedor Individual (MEI), com CNPJ válido. Caso o artesão interessado em participar não seja paraibano, também é necessário que ele seja radicado no estado há mais de dois anos.

Cada artesão selecionado poderá cadastrar até 100 produtos no marketplace do evento, com opção de incluir até cinco fotos para cada item. A expectativa é que a edição virtual do Salão do Artesanato possa reunir cerca de 400 expositores, entre os meses de janeiro e fevereiro. Como já é tradição do evento, cada edição homenageia uma tipologia de artesanato produzida no estado, sendo escolhidos para 2021 os artesãos que trabalham com retalhos nas técnicas de fuxico e patchwork.

Ao destacar a importância do evento para os artesãos paraibanos, a gestora do PAP, Marielza Rodriguez, também ressaltou o papel que o segmento possui na geração de renda e de oportunidades de trabalho no estado. Ainda falando sobre o Salão do Artesanato, a gestora também salientou a relevância da parceria firmada entre a gestão estadual e o Sebrae.

“É uma parceria fundamental para garantir as vendas. O Sebrae é o responsável, neste processo, pelo desenvolvimento da plataforma de marketplace, onde será comercializada toda a riqueza do nosso artesanato, que tem encantado turistas e todos os paraibanos ao longo desses anos”, declarou.

Por sua vez, o gerente regional do Sebrae Paraíba, Franco Fred Tavares, afirmou que o evento será uma importante vitrine para o artesanato do estado. “Não mediremos esforços para colocar o artesão paraibano em uma vitrine moderna, competitiva e inovadora, gerando muitas oportunidades de vendas. Não tenho dúvidas de que esta parceria com o Governo do Estado será mais um grande sucesso”, pontuou.