Cuidados básicos no verão

foto: Marcelo Casal Jr

A chegada do verão acontece no dia 21 de dezembro, mas a sensação é que já estamos vivendo em plena estação, a temperatura sobe, muito calor, sol intenso, parece que vamos fritar. Tudo isso tem impacto profundo no meio ambiente e em nós. No meio ambiente a percepção é clara, sobretudo no agreste, mas nosso objetivo com este texto é falar do impacto direto em nossas vidas, principalmente a respeito dos cuidados que devemos ter para a aproveitarmos ao máximo sem tantos danos.

O lado bom da estação todos tem sua estória para contar, são festas, jogos e muitos encontros. Mas, estamos tendo o devido cuidado em relação aos excessos? Será que a tomada de sol está me machucando? Estou tomando água adequadamente? As roupas molhadas estão muito tempo em nosso corpo? Os locais de nossas brincadeiras ou de nossos filhos são balneários limpos?

Pois é pessoal, para vivermos a estação mais prazerosa do ano com os devidos cuidados temos que atentar para tudo isso que colocamos como perguntas. Primeiro, a exposição solar deve ser feita com muitos cuidados, proteger nossa pele do sol, garante um futuro com menor risco de manchas e de cânceres de pele, usemos bloqueadores solares na face(FPS acima de 30), bonés, roupas com proteção solar e guardas-sol, quando estivermos na exposição direta; segundo, devemos ter o cuidado redobrado em tomar muita água, uma boa hidratação é saudável para todo o corpo, inclusive para pele; terceiro, o uso de roupas molhadas por muito tempo aumentam nossas chances de contrair fungos e bactérias, portanto troquem a roupa assim que der; quarto, nessa estação também vemos aumentar muitos as doenças ligadas a locais contaminados por fungos, bactérias, vermes e protozoários. Locais abertos onde transitam muitos animais são de alto risco para esse tipo de contaminação.

No aparecimento de qualquer lesão na pele não façam medicações caseiras, pois elas podem agravar o quadro e até mesmo provocar uma dermatite e aumentar a potência do sol em queimar e provocar cânceres. O dermatologista é o responsável por toda orientação, não se furte a consultá-lo se for necessário.­

Otávio Sérgio Lopes | CRM-PB: 4248 | Especialidade: Dermatologista