CULTURADESTAQUES

Entenda por que os podcasts se tornaram tão populares em 2021

Redação | foto: Unsplash

Sua ascensão meteórica mostra como novos meios de comunicação podem se transformar rapidamente em fenômenos culturais

Os podcasts se tornaram uma oportunidade de comunicação eficaz e lucrativa para organizações e líderes de pensamento em todo o mundo. O poder da voz humana transmite muito mais significado e entendimento por meio de tom e inflexão do que a palavra impressa jamais poderá.

No entanto, apenas 15 anos atrás, o podcast era uma forma inexplorada de entretenimento e marketing. Sua ascensão meteórica mostra como novos meios de comunicação podem se transformar rapidamente em fenômenos culturais.

Entre as razões pelas quais as pessoas ouvem um podcast está a possibilidade de realizar outras tarefas enquanto se escuta o conteúdo. A maioria das pessoas ouve podcasts enquanto realizam outros tipos de atividades como dirigir, caminhar, correr, andar de bicicleta ou viajar. O podcast também é muito apreciado pelo seu poder de narrativa e uma sensação de intimidade.

ascensão dos podcasts ao longo da última década e meia mudou profundamente a maneira como os consumidores se envolvem com a mídia — e, por extensão, as maneiras pelas quais as empresas e líderes podem alcançar públicos-alvo de uma forma mais eficaz.

Ao examinar o crescimento surpreendente do podcast e suas tendências atuais, podemos entender melhor as profundas aplicações desse meio para a liderança inovadora em todos os setores. Todas as empresas gigantes de tecnologia já lançaram ou planejam entrar no mercado com seus próprios dispositivos inteligentes como Google Home, Alexa, Homehub, entre outros. E muitas startups também estão criando seus próprios podcasts.

A História dos podcasts

Na verdade, os podcasts são anteriores à Internet. Eles remontam à década de 1980 e eram inicialmente chamados de “blog de áudio”. Semelhante aos primeiros blogueiros, essa era uma maneira de qualquer pessoa compartilhar suas experiências e pensamentos com outras pessoas por meio de gravação de áudio. No entanto, devido à falta de meios para distribuir as gravações, demorou mais 20 anos para o gênero decolar.

No início da década de 2000, com o aumento da popularidade dos dispositivos de áudio portáteis, como o iPod, o conceito de transferir esses “blogs de áudio” para um reprodutor de áudio como um arquivo MP3 tornou-se popular. Desde 2005, mais de 700.000 podcasts foram criados, com mais de 30 milhões de episódios de conteúdo, a maioria deles gratuitamente. 

A vantagem do formato podcast é que oferece variedades e opções infinitas. Qualquer assunto no qual uma pessoa possa estar interessada geralmente pode ser encontrado online em formato de podcast. Estudos, entretenimento, viagens… desde um podcast de comédia, culinária, podcasts de poker, jogos online, cultura pop, TV e cinema, opiniões, sempre há algo para todos.

Dar aos ouvintes uma grande variedade de conteúdo para escolher (normalmente atualizado todas as semanas ou às vezes diariamente) os mantêm engajados por um longo período. Em 2021, as cinco principais categorias de podcasts são: sociedade e cultura, negócios, podcasts de entretenimento online, notícias e política.

Publicidade & Negócios

Do ponto de vista comercial, a grande variedade de tópicos de podcast permite que os anunciantes atinjam nichos de mercado de consumidores compostos de ouvintes altamente engajados. Anúncios lidos pelo próprio apresentador do podcast ganham maior confiança dos ouvintes e não interrompem o fluxo do episódio com uma voz desconhecida. Alguns apresentadores, popularmente chamados de “hosts”, selecionam cuidadosamente seus patrocinadores com base no uso pessoal dos produtos ou serviços.

Talvez o benefício mais significativo para os anunciantes seja que 80% dos ouvintes terminam quase todo o episódio do podcast. As taxas de desistência para ouvintes são consideravelmente menores para podcasts do que outras plataformas, como o YouTube.

Essas características dos ouvintes, combinadas com a concorrência relativamente baixa, tornam os podcasts ideais para os anunciantes. Mas nem tudo é anúncio nesse universo. Alguns podcasters estão usando um modelo de assinatura em vez de depender dos anunciantes. Seja qual for a receita usada, o fato é que a adoção do podcast já é uma realidade. Em 2020, cerca de 100 milhões de pessoas ouviram um podcast a cada mês e espera-se que chegue a 125 milhões em 2022.

Como a tendência do podcast continua a crescer a cada ano, uma coisa é certa: os seres humanos adoram ouvir uns aos outros falar.

Deixe um comentário