Linguagem
Destaque

Hospital da Unimed João Pessoa realiza novo transplante de fígado

Paciente de 71 anos se recupera bem, e a previsão é que receba alta hospitalar em três dias

Foto: divulgação
Na manhã da quinta-feira passada (15), a família de uma mulher de 57 anos recebe a notícia de sua morte. Mesmo em meio à tristeza, toma a decisão de doar os órgãos para transplante. No início da noite do mesmo dia, um homem de 71 anos começa a receber o fígado saudável, em um procedimento realizado no Hospital Alberto Urquiza Wanderley.

Foram quatro horas de transplante, com mais de 15 profissionais envolvidos - entre médicos, enfermeiros e fisioterapeutas. “Foi uma cirurgia tranquila, apesar de o paciente ter 71 anos. A expectativa é que, em mais dois ou três dias, ele receba alta e vá para casa”, disse o cirurgião Cássio Virgílio, responsável pela equipe de transplante hepático do Hospital Alberto Urquiza.

O paciente que recebeu o órgão transplantado estava, há algum tempo, na fila para receber o órgão. Já havia, inclusive, se preparado para um outro transplante, que acabou não dando certo. 

Alta complexidade - O transplante de fígado é a maior cirurgia a que um ser humano pode ser submetido. Por isso, é necessário que haja uma estrutura de qualidade, com equipamentos de ponta e uma equipe especializada. 

O Hospital Alberto Urquiza Wanderley é pioneiro na realização desse tipo de procedimento na Paraíba. O primeiro transplante de fígado ocorreu em 8 de junho de 2004. Hoje, já são 77. A unidade também foi a primeira a realizar transplante de coração, que aconteceu no dia 23 de maio de 2004.

Estrutura e equipe - Referência em alta complexidade no Estado, o Hospital Alberto Urquiza Wanderley, que integra a rede própria de atendimento da Unimed João Pessoa, conta com um moderno Centro Cirúrgico, Centro de Diagnóstico por Imagem e seis Unidades de Tratamento Intensivo, entre outros serviços essenciais à realização de transplantes. 

Na equipe médica, estão alguns dos maiores especialistas do Estado, e o time assistencial é altamente capacitado. “Nós temos os médicos, enfermeiros e toda uma equipe multiprofissional especializada, preparada e constantemente atualizada para fazermos esses atendimentos de alta complexidade”, destacou o gestor de Serviços Hospitalares da Unimed João Pessoa, Cleiton Moradillo.

O gestor reafirmou o compromisso do Hospital Alberto Urquiza Wanderley em proporcionar uma medicina de ponta aos seus clientes. “Mesmo ainda dentro de uma pandemia e sendo um dos hospitais de referência para tratar o paciente com covid-19, nós conseguimos ter os melhores profissionais, estrutura e dar a segurança para um procedimento tão complexo quanto esse, que é um transplante de fígado”, declarou.




assessoria